“O PSL/SC não é apenas uma onda”, afirma Esmeraldino

Foi usando estas palavras, que o Presidente do PSL/SC, Lucas Esmeraldino, finalizou sua participação no seminário o “Futuro Político de Santa Catarina e do Brasil – expectativa para economia e redes sociais de 2019”, que aconteceu neste sábado (01), em Capivari de Baixo, visando apresentar que, em Santa Catarina, o fenômeno de crescimento do partido seguirá com força total.

“Nosso trabalho está apenas começando. Vamos dar sequência a partir de janeiro na formação das novas executivas municipais, mantendo os critérios, bandeiras, ideais e valores do partido, na aprovação dos membros”, explica o Presidente do PSL/SC.

Após apresentar a trajetória do PSL em 2018, Esmeraldino frisou que o foco agora é mirar 2020 e alavancar ainda mais o partido e sua força no Estado, através das eleições municipais. “Nossa meta é fazer com que em 2020 a expressividade do PSL em Santa Catarina seja algo ainda maior, pois entendemos que é através da união e da luta, tendo os mesmos ideias, projetos e propostas, trabalhando em prol do bem e do cidadão catarinense, que continuaremos construindo uma nova política, seria e justa. A mudança está começando e com ela uma nova história começou a ser escrita, também. E assim, vamos mostrar que a sigla não é apenas uma onda”, destaca Lucas.

295 executivas municipais

Com o foco de atingir os 295 municípios catarinenses, de forma a ter executivas presentes em cada um deles, até o final de 2019. “Esta é a forma como trabalharemos para atingir os resultados de crescimento e retorno para a população catarinense, entregando um canal de comunicação em cada município e uma força partidária local”, pontua Esmeraldino.

Para o PSL/SC, 2020 e 2022 serão anos em que a sigla continuará marcando a história da política catarinense.